Museu da Farmacia

Poucos museus em Portugal tem capacidade para fazer compras relevantes. O Museu Berardo e o Museu de Serralves compram directamente aos artistas, desprezando as galerias. Os artistas, desesperados, pactuam com isso. O Estado cede as pressoes do Publico e gasta dinheiro em quadros que não são precisos. O cenário é triste.
O Museu da Farmacia – que tem muito dinheiro e so tem de responder aos seus associados – comprou agora a impressionante decoracão policromada e entalhada de uma sala feita em Damasco, no século XIX, na Christie’s de King Street, por £360mil libras. Que traga muitos visitantes ao Museu.

One thought on “Museu da Farmacia

  1. Eis uma boa razão para lá entrar, passo tantas vezes à porta sem nunca ter entrado.
    Fico muitas vezes a olhar para os candeeiros arte nova(?) com as figuras de mulher que rematam em espiral …

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s